Início/Notícias/CRA-RJ realiza registro de egressos que não puderam colar grau em meio à pandemia

CRA-RJ realiza registro de egressos que não puderam colar grau em meio à pandemia

Por Josué Amador |

O CRA-RJ aceitará a Certidão de Conclusão de Curso para o Registro Profissional de egressos dos cursos de Administração e áreas correlatas que não puderam colar grau devido à quarentena de prevenção ao coronavírus (Covid-19). As colações de grau e as festas de formatura das Instituições de Ensino Superior foram adiadas, por tempo indeterminado, e acabou prejudicando egressos que precisam atestar o término da graduação para darem sequência na sua jornada de atuação.

O presidente do CRA-RJ, Adm. Wallace Vieira, destacou a necessidade de os Conselhos de classe agirem de forma solidária e sem burocracias, sem deixar a seriedade do registro profissional e da fiscalização. Assim, em caráter emergencial foi baixada uma Resolução Normativa.

“Há diversos profissionais que anseiam pelo registro profissional para serem contratados ou promovidos nas empresas públicas e privadas. Mas o registro só pode ser efetivado após a colação de grau, mediante a apresentação do diploma original, entre outros documentos. Diante da pandemia causada pelo novo coronavírus (Covid-19) e quarentena determinada pelos órgãos governamentais, as Instituições de Ensino Superior ficam impedidas de proporcionar a solenidade para diplomação oficial de bacharéis em Administração e tecnólogos, que já concluíram seus respectivos cursos em dezembro de 2019”, explicou o presidente do CRA-RJ.

A recém-formada em Administração Letícia Maria Pereira da Silva aprovou a iniciativa do Conselho diante das circunstâncias atuais. Ela considerou a iniciativa ótima, pois reforça o compromisso que a autarquia tem com a categoria. Assim, ‘além de ajudar, mostra que o CRA-RJ se preocupa com os profissionais’ e com os resultados que serão entregues às empresas públicas e privadas, bem como à sociedade. Para ela seria muito benéfico se as organizações contratantes também tivessem uma visão mais flexível em tempos de crises, como o atual.

“Seria ótimo se as empresas conseguissem ser mais flexíveis com os profissionais que se formaram recentemente, pois poderíamos de fato oficializar o nosso superior completo e conseguir os benefícios da graduação completa, como aumento de salário e atuação em novos projetos licitatórios [que exigem graduação comprovada]”, disse.

O coordenador do curso de Administração da ESPM, Me. Marcelo Guedes, explicou que esta situação de quarentena em massa é atípica e que as Universidades precisam se adaptar. Na instituição que atua, ele explicou que até a colação de grau em gabinete foi suspensa nesse período, mas as solicitações estão sendo avaliadas caso a caso.

“A gente ainda não recebeu nenhuma solicitação extra, depois que fechamos as atividades, porque está tudo sendo feito online. O que a gente tem em mente é não prejudicar o estudante […] para ele não perder a oportunidade de ingressar no sonho dele, então não vamos medir esforços para ajudar. […]. Mas é importante que a sociedade como um todo e as organizações também entendam que é um momento de termos muita tranquilidade e bom senso. Todos estão muito fragilizados e a gente não sabe o que vem pela frente”, explicou Guedes.

O Conselho Regional de Administração do Rio de Janeiro tem atuado exatamente como a descrição do Me. Marcelo Guedes, sempre agindo para não prejudicar a categoria, estimulando os novos profissionais a não desistirem de dar o seu melhor.

“Ao perceber esse cenário, o CRA-RJ entendeu que os profissionais estão sendo punidos de forma injusta. Então, decidimos dar uma resposta solidária a eles por meio da flexibilização legal e provisória do registro profissional por meio da apresentação da Certidão de Conclusão de Curso. Assim, poderão atuar de acordo com a Lei que regulamenta a profissão, mesmo que de forma remota, necessária nesse momento, no qual a Administração profissional e responsável poderá fazer toda a diferença no alcance de resultados positivos”, disse o Adm. Wallace Vieira, presidente do CRA-RJ.

Aos recém-formados, acessem sistemacrarj.com.br, faça o seu pré-cadastro, aproveite o desconto de 50% na primeira anuidade e exerça legalmente sua profissão.