Por Josué Amador

O setor de Registro e Fiscalização do CRA-RJ identificou que há, atualmente, 1.060 pré-cadastros não finalizados no Sistema Integrado de Fiscalização e Autoatendimento (Sifa). Destes, 900 já até quitaram a taxa referente ao procedimento e 160 ainda estão pendentes.

No primeiro semestre de 2019, foram encaminhados 1.684 notificações para esses profissionais sobre a necessidade de concluírem o cadastro junto ao CRA do Rio de Janeiro. Conforme explicou a coordenadora de Registro Profissional do CRA-RJ Ana Maria Martins, 166 notificados solicitaram o cancelamento do pré-cadastros e foram atendidos por comprovarem o não exercício da profissão, por meio de documento legal. Martins ainda esclareceu que ‘5 solicitações de cancelamento de pré-cadastros foram indeferidas, tendo em vista que foi constatado que os profissionais estão no exercício da profissão, e foram encaminhados à Fiscalização para as devidas providências’.

“A principal importância desta ação é fiscalizar o exercício da profissão destes profissionais que iniciaram seus registros mas não deram continuidade, e também não podemos deixar de ressaltar que esta ação também tem o objetivo de higienização em nosso banco de dados”, afirmou a coordenadora.

O coordenador de Fiscalização do CRA-RJ, Adm. Paulo Coelho, destacou que outras ações também serão desenvolvidas pelo CRA-RJ na busca pela reserva de mercado aos profissionais devidamente qualificados, comprovados mediante o registro no Conselho de classe. Assim, preservam a sustentabilidade econômica, social e ambiental das organizações e, por consequência, o bem-estar de toda a sociedade.

Aqueles que tiverem alguma informação sobre atividades ilegais referentes à Administração, aquelas desenvolvidas por pessoas não registradas, podem entrar em contato com a Fiscalização do CRA-RJ por meio dos canais Clique Denúncia; e-mail: [email protected]; ou telefones: (21) 3872-9622 ou (21) 3872-9645.