Recrutadores detectam carência de qualificação profissional para contratação

Pela estagiária Bárbara Gouvêa Sob supervisão de Érika dos Anjos | Um estudo realizado com mais de 230 recrutadores identificou uma carência de habilidades na hora da contratação, sendo os principais: vendas (26%), análise de dados (26%), Excel (23%), comunicação e escrita (23%), estratégia (19%), curso técnico (15%) e conhecimento em um segundo idioma (9%). Essas

Leia mais »